Gancho de esquerda

Teu coração adoidadoquer bater fora do peito,correr desenfreado,comer três futurosIncansávelCom um suspirofrágilfrágilfrágilTu pega esse desembestado pelas mãose diz– Te aquieta, seu escrotoTu sabe que por hora,e só por hora,ele te acataTu sabe que amanhã,talvez ainda hoje,esse aloprado te escapa,te faz refém,te mata.